MEI, saiba como organizar seu estoque com a técnica PEPS

Equipe SOMEI

MEI, você sabe como funciona a técnica PEPS e como ela pode ajudar você a manter a organização do estoque da sua empresa?

Neste conteúdo, você terá a oportunidade de conhecer e entender na prática como funciona essa técnica importante relacionada a gestão de estoques.

Se o seu objetivo é transformar a sua empresa MEI em um grande negócio no futuro, o blog da SOMEI é o seu lugar! Confira conosco tudo o que você precisa saber sobre a técnica PEPS e coloque o seu controle de estoque em dia.

O que é a técnica PEPS?

Por mais que possa lembrar uma famosa marca de refrigerantes, a metodologia PEPS pode ser utilizada para a gestão de estoque de qualquer tipo de negócio e não apenas de distribuidoras de bebidas.

Brincadeiras à parte, o termo PEPS na verdade significa “Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair.”

Autoexplicativo, o próprio nome da técnica já aponta a essência do seu conceito que funciona da seguinte forma:

  • A mercadoria que entra no estoque primeiro, sai do estoque primeiro.
  • A mercadoria que entra no estoque por último, sai do estoque por último.

Além de uma importante estratégia para evitar prejuízos relacionados à perda de validade de produtos perecíveis, essa técnica é muito importante para o cálculo de margem de lucro e também para a formação dos preços aplicados aos produtos.

Agora que você já descobriu o conceito da técnica PEPS, vamos entender como aplicá-la na prática?

Chegou o aplicativo do MEI

Entendendo a técnica PEPS na prática

Para facilitar a sua compreensão a respeito da técnica PEPS, vamos a um exemplo prático:

João é o proprietário de uma loja de roupas que comercializa camisas masculinas. As camisas vendidas na sua loja são adquiridas do fornecedor ABC.

Sempre que compra novas camisas para a sua loja, João entra em contato com o fornecedor e negocia o preço de compra das peças.

Certo dia, João decidiu realizar um pedido de um lote com 100 camisas. Em contato com o seu fornecedor, ficou acertado que cada camisa teria um custo de R$ 25,00.

Assim que recebeu as camisas na sua loja, João decidiu que venderia cada unidade por R$ 50,00, aplicando uma margem de lucro de 100% sobre cada camisa.

Passados alguns dias, João decidiu realizar um novo pedido ao fornecedor. No entanto, para a surpresa ele foi informado que devido à alta dos custos relacionados a matéria prima, foi necessário reajustar o preço das camisas que agora custavam R$ 30,00 a unidade.

Com o reajuste do fornecedor, João agora, tinha um problema, como determinar o custo de cada camisa vendida e o lucro final das vendas.

Vale lembrar, que para manter os clientes, João decidiu não repassar o reajuste para os seus clientes, mantendo as camisas a R$ 50,00 a unidade.

Determinando o custo das mercadorias vendidas e o lucro pelo método PEPS

Segundo sugere a técnica PEPS – “Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair”, João deve registrar as primeiras 100 camisas vendidas ao custo de R$ 25,00 e as 100 camisas seguintes ao custo de R$ 30,00.

Supondo que foram vendidas 125 camisas em determinado tempo, qual seria o custo total, segundo a técnica PEPS?

Calculando o custo das camisas vendidas:

  • 100 Camisas x R$ 25,00 = R$ 2.500,00
  • 25 Camisas x R$ 30,00 = R$ 750,00

Custo total das camisas vendidas: R$ 3.250,00

Calculando o valor total das vendas:

  • 100 Camisas x R$ 50,00 = R$ 5.000,00
  • 25 Camisas x R$ 50,00 = R$ R$ 1.250,00

Valor Total das vendas: R$ 5.000 + R$ 1.250,00 = R$ 6.250,00

Lucro: R$ 6.250 (Vendas) – R$ 3.250,00(Custo) = R$ 3.000,00

Agora que você já sabe como calcular o custo das mercadorias e o lucro sobre as vendas utilizando a técnica PEPS, veremos como ficaria o mesmo exemplo, através de outro método, o UEPS – “Último que Entra, Primeiro que sai.”

Confrontando a forma de cálculo utilizada no PEPS e no UEPS, se tornará muito mais prática de entender esses importantes conceitos de gestão de estoque.

Decida ser grande hoje mesmo

Determinando o custo das mercadorias vendidas e o lucro pelo método UEPS

Segundo a técnica UEPS – “Último que Entra, Primeiro que sai.”, João deve registrar as primeiras 100 camisas vendidas ao custo de R$ 30,00 e as 25 camisas seguintes ao custo de R$ 25,00.

Veja através do mesmo exemplo, como ficaria:

Calculando o custo das camisas vendidas:

  • 100 Camisas x R$ 30,00 = R$ 3.000,00
  • 25 Camisas x R$ 25,00 = R$ 625,00

Custo total das camisas vendidas: R$ 3.625,00

Calculando o valor total das vendas:

  • 100 Camisas x R$ 50,00 = R$ 5.000,00
  • 25 Camisas x R$ 50,00 = R$ 1.250,00

Valor Total das vendas: R$ 5.000 + R$ 1.250,00 = R$ 6.250,00

Lucro: R$ 6.250,00 (Vendas) – R$ 3.625,00 (Custo) = R$ 2.625,00

Qual método as empresas devem utilizar na gestão dos seus estoques?

De acordo com a Receita Federal do Brasil, as empresas devem utilizar o método PEPS para controle dos seus estoques.

Mas, o que leva a Receita Federal a interferir na técnica utilizada pelas empresas para controle dos seus estoques?

Observe nos exemplos acima, que no método UEPS, o lucro apurado é menor que aquele apurado no método PEPS. Sendo assim, ao utilizar o método UEPS, as empresas tributadas com base no lucro dos seus negócios, obteriam uma vantagem indevida.

Qual método o MEI deve utilizar na gestão dos seus estoques?

Ao MEI também é recomendado o uso do método PEPS, uma vez que essa metodologia é aquela que apresenta o lucro real obtido com as suas vendas.

Ao utilizar o método PEPS – Primeiro a Entrar, Primeiro a Sair, o MEI consegue ter um controle muito claro do seu estoque e além disso, têm o resultado real dos lucros da sua empresa.

Facilite a gestão de estoques da sua empresa efetuando o download gratuito do App SOMEI.

Ficou com alguma dúvida em relação ao método PEPS? Não deixe de enviar o seu comentário!

+ Artigos

Conheça o Crediamigo: uma boa opção de empréstimo para o MEI

Você já ouviu falar do Crediamigo?Maior programa de microcrédito produtivo orientado do Brasil, o Crediamigo oferece empréstimos para quem trabalha…

Ler artigo

Pré Black Friday do MEI: saiba como se planejar

Se para os consumidores, a Black Friday é um evento muito esperado, imagine então para o MEI! A data promete…

Ler artigo

5 dicas para o MEI lidar com a queda nas vendas

As vendas caíram? Então é hora de conferir as 5 dicas que o SOMEI preparou para ajudar você a lidar…

Ler artigo
Arrow-up
pt_BR
pt_BR